Categoria: Histórias da Moda

 Todas nós sabemos que as lojas de departamento são um máximo. Preçinho amigo,  roupas modernas, estilosas e que vestem super bem.
O que nós não sabemos é a origem dessas lojas que tanto amamos.
Eu conto pra vocês...
 

Renner

A Lojas Renner é a segunda maior rede de lojas de departamento do Brasil, com sede na cidade de Porto Alegre.

A Lojas Renner foi fundada em 1912, por Antônio Jacob Renner, com o nome de A. J. Renner. A empresa comercializava capas de pura lã e capas do vestuário masculino, resistentes ao frio, ao vento minuano e às chuvas, que se tornou uma peça indispensável tanto para o gaúcho da Campanha como para o homem da cidade.

O primeiro ponto-de-venda das Lojas Renner foi inaugurado em 1922. A partir dos anos 40, com uma comercialização mais ampla de produtos, tornou-se uma loja de departamentos. A Renner SA nasceu em 1965. Dois anos depois, veio o lançamento de ações. Em 1991, a Lojas Renner tornou-se uma loja de departamentos especializada em moda.

No dia 22 de dezembro de 1998, foi comprada pela empresa multinacional de lojas de departamento norte-americana J.C. Penney, então detentora de 97,7% das ações.

Em junho de 2005, com a saída da JC Penney, as ações da Renner foram vendidas de forma pulverizada na Bovespa, tornando-a a primeira corporation brasileira.

Atualmente, Lojas Renner conta com 134 unidades no Brasil.
 

Marisa

Sob o comando do fundador da Marisa S.A., Bernardo Goldfarb, a Companhia abriu sua primeira loja, a Marisa Bolsas, em 1948, a qual foi, aos poucos, conquistando o público consumidor feminino. Com o intuito de ampliar as oportunidades da Marisa, em 1950, por meio de seu pioneirismo no segmento de varejo voltado ao público feminino a Companhia acredita ter criado a primeira “ponta de estoque” conhecida no Brasil: a Marisa Malhas.

Em seguida, a Companhia passou a utilizar o nome Marisa para suas lojas. Com a filosofia de oferecer às mulheres roupas de qualidade por um preço atrativo, a Marisa teve um desenvolvimento gradativo e planejado e se tornou nacionalmente reconhecida como uma rede de lojas de moda feminina e moda íntima feminina.

A partir de 1952, a Companhia iniciou sua expansão por todo o território nacional, abrindo novas lojas em Porto Alegre , Belo Horizonte, Salvador, Recife e Manaus. Em 1982, a Marisa já estava presente em todas as regiões do País e, em 1990, acompanhando as tendências do mercado de varejo, a Companhia inaugurou a sua primeira loja em shopping center , na cidade de São Paulo .

Em 1999, a partir da larga experiência da Companhia ratificada por meio de pesquisas de mercado conduzidas pela InterScience, uma das empresas de pesquisa mais bem conceituadas em consumo de varejo, a Marisa verificou a necessidade de um novo modelo de loja que aumentasse a variedade de produtos oferecidos para toda a família, criando maior conveniência de compra para suas clientes em um mesmo local . Foi então que a Companhia desenvolveu um novo conceito de lojas com área de vendas superior a 1.200 m² , oferecendo, além de moda feminina, moda masculina, moda infantil e cama, mesa e banho.

A fim de melhor atender às necessidades das clientes da Marisa, a Companhia criou, em 1999, seu cartão de crédito private label , o Cartão Marisa, para oferecer crédito facilitado a suas clientes. Ainda, inaugurou a Marisa Virtual, possibilitando às suas clientes a realização de compras pela internet em seu website .

A partir de 2001, a fim de aprimorar e atualizar a imagem da marca Marisa, a Companhia desenvolveu uma nova fase de modernização , ampliação e padronização de suas lojas para a melhor exposição de mercadorias segmentadas por estilos de vida.

Em 2006, com o intuito de expandir os produtos financeiros da Marisa oferecidos à sua base de clientes, iniciaram-se as atividades da SAX, uma instituição financeira com o objetivo de, entre outros, oferecer crédito pessoal para clientes selecionados do Cartão Marisa.

A Marisa S.A é a maior rede de lojas especializada em moda feminina e moda íntima feminina e uma das maiores redes de lojas de departamento de vestuário feminino, masculino e infantil do Brasil. A Companhia foca sua estratégia e atuação em mulheres entre 20 e 35 anos de idade da Classe C, que é a maior classe social do Brasil, de acordo com a ABEP. A Marisa desenvolve e comercializa, sob sua marca corporativa “Marisa” e outras marcas consagradas, uma ampla variedade de produtos de qualidade, de acordo com as últimas tendências da moda, segmentados por estilo de vida e a preços atrativos.
 

C&A

C&A é uma cadeia internacional de lojas de vestuário. No Brasil, é a maior rede de lojas de departamento do país. Foi fundada nos Países Baixos em 1841 pelos irmãos Clemens e August (daí C&A) como uma empresa têxtil.

Conta hoje com filiais na Alemanha, Áustria, Bélgica, Brasil, Croácia,Eslováquia, Eslovénia, Espanha, França, Hungria, Itália,Luxemburgo, México, Países Baixos, Polônia, Portugal, República Tcheca, Roménia, Rússia, Suíça, China e Turquia.
A sua primeira loja foi inaugurada no ano de 1841 e se tornou uma das primeiras no mundo a oferecer roupas prontas aos consumidores. No Brasil, a C&A inaugurou sua primeira loja em São Paulo no ano de 1976. Em junho de 2009, a rede encerrou sua atividade na Argentina, onde possuia 20 lojas, com 1100 funcionários.
O nome C&A advem das letra iniciais de Clemens e August Brenninkmeijer.

A C&A Brasil durante a última década se destacou com sua propaganda voltada para o mundo fashion, criada e produzida pela Perfil Artes Assessoria Gráfica. Segundo o presidente da agência, a transformação da comunicação foi necessária para posicionar a marca C&A com o mundo da moda.
As parcerias com grandes estilistas brasileiros (assinados para a C&A Collection) também fazem muito sucesso, como por exemplo, Reinaldo Lourenço, Isabela Capeto, Amir Slama, Alexandre Herchcovitch e Sergio K.

Em Portugal, a C&A possui exactamente 41 lojas, sendo que actualmente cobre praticamente todo o território nacional incluido ilhas.
No Brasil, a rede possui aproximadamente 170 lojas. Em junho de 2009, a C&A vendeu as operações brasileiras de seu banco, o Banco Ibi, para o Bradesco, em transação estimada em R$ 1,4 bilhão. Porém, a parceria com o ibi continua.
 

Riachuelo

Grupo Guararape

A história da Guararapes teve início em 1947, quando Nevaldo Rocha abriu sua primeira loja de roupas chamada "A Capital", em Natal (RN). Quatro anos depois, a empresa implantou uma pequena confecção em Recife (PE) e adquiriu vários pontos de venda, em um momento em que o mercado de roupas no nordeste começava a se desenvolver.

Em outubro de 1956, os irmãos Nevaldo e Newton Rocha fundaram a Guararapes, em Recife (PE). Dois anos depois, sua matriz foi transferida para Natal (RN), com a inau guração de sua primeira fábrica, com 2.500m² de área construída e onde se mantém até os dias de hoje.

No início da década de 1970, o capital da empresa foi aberto e, em 1976, foram construídas as fábricas de Fortaleza (CE), hoje com 60.000m² e de Mossoró (RN), com 9.800m² de área construída. Nesse mesmo ano foi criada a cadeia de lojas Super G.

Em 1979, a Guararapes adquiriu as cadeias de lojas Riachuelo e Wolens, expandindo sua atuação para o varejo têxtil, área responsável pelo maior crescimento do grupo atualmente. Desde o início, o objetivo do grupo Guararapes é comercializar produtos de alta qualidade a preços baixos, sempre buscando satisfazer e agregar valor a seus clientes, objetivo inalterado até os dias de hoje. Nesse mesmo ano, foi inaugurada a Guararapes Têxtil em Natal (RN), com 40.000 m² de área construída.

Idealizada por Flávio Rocha, em 1982, foi lançada a marca Pool, grife que sempre se manteve conectada com os jovens e foi ícone de moda nos anos 80, além de ter sido a principal patrocinadora do piloto Ayrton Senna no início de sua carreira, quando ele competia nas categorias Kart e Fórmula-3.

Hoje, a marca se multiplicou para atingir mais de um segmento. Para o público jovem feminino: Pool Atitude, Pool Trendy e Pool Glam. Para o público jovem masculino: Pool College, Pool Atitude e Pool Black. Para o adulto masculino: Pool Originals, Pool Work e Pool Casual.

Em 1997, a unidade fabril de Natal (RN) foi transferida e ampliada para o distrito industrial de Extremoz (RN), hoje com área construída de 150.000 m², responsável pela produção da malharia do grupo e por parte da camisaria, enquanto as três unidades fabris de Fortaleza (CE) produzem tecido plano (sarja, jeans e camisaria).

O grupo vem investindo em pesquisa, criação, desenvolvimento e no processo de distribuição para aperfeiçoar sua operação e intensificar a elaboração do modelo integrado, a fim de aperfeiçoar seu timing entre o desenvolvimento do produto e sua entrega nas lojas. Para isso, conta com dois grandes centros de distribuição, um em Extremoz (RN), inaugurado em 2000, com 55.000 m² e outro, inaugurado em 2002, em Guarulhos (SP), com 86.000 m² que, junto com a Transportadora Casa Verde são responsáveis pela logística do grupo.

Hoje o grupo Guararapes é um exemplo de estabilidade e solidez no mercado. Representa a maior confecção de vestuário da América Latina, com uma produção de quase 200.000 peças por dia, que são totalmente comercializadas pela Riachuelo. Além da Riachuelo, o grupo é proprietário do Shopping Midway Mall, inaugurado em abril de 2005 em Natal (RN) e da Midway Financeira.

Lojas Riachuelo são a terceira maior rede de lojas de departamanto do Brasil. Atualmente pertence ao Grupo Guararapes Confecções.
 

Pernambucanas

As Casas Pernambucanas foi fundada em 25 de setembro de 1908 pelo sueco Herman Theodor Lundgren, que adquire, em Pernambuco, a Companhia de Tecidos Paulista. Por muitos anos foi uma das maiores redes de venda de tecidos do Brasil.

Em 1910 foi inaugurada a loja na Praça da Sé, São Paulo. Em 1960 ficou famoso o filme de propaganda: "Quem bate? É o frio. Não Adianta bater, eu não deixo você entrar". Em 1970 era a maior rede de lojas do Brasil. No Século XXI diversifica seu produtos, que além de tecidos e roupas hoje oferece eletrodomésticos, informática e similares. Tem cerca de 270 filiais espalhadas por sete estados do Brasil.

Apesar de se chamar "Pernambucanas", remetendo ao estado onde o imigrante sueco se estabeleceu ao chegar ao país e onde ainda moram muitos de seus descendentes, a rede não possui mais lojas em Pernambuco desde a década de 1980. Após uma disputa entre os herdeiros nas décadas de 70 a 90, as operações de Pernambuco e do Ceará desapareceram e os negócios no Rio de Janeiro foram à falência. Apenas a Arthur Lundgren Tecidos, com operações em São Paulo, prosperou e hoje compete com os grandes concorrentes do segmento de varejo no país.

Com um faturamento foi de R$ 4,1 bilhões em 2009, é a terceira maior varejista de vestuário do Brasil.
 

Zara

A história começou quando o empreendedor espanhol Amâncio Ortega Ganoa largou os estudos aos 14 anos para começar a trabalhar como garoto de recados da camisaria La Gala, onde se vestia a elite da cidade de La Coruña. Treze anos depois, arriscou seu primeiro passo como empresário na área têxtil, trabalhando com a família dentro de um galpão mal iluminado confeccionando roupões femininos. Em meados da década de 70 ele resolveu ingressar no mercado de varejo, inaugurando a primeira loja ZARA, um modesto estabelecimento que vendia roupas íntimas, no dia 15 de maio de 1975 na cidade de La Coruña, localizada na província de Galícia, ao norte da Espanha. O nome escolhido inicialmente para o novo negócio seria Zorba, mas este já estava registrado, e ZARA foi adotado como segunda opção. Não demorou muito para começar a vender roupas.

O sucesso da loja foi tão grande que em menos de 10 anos outras lojas foram abertas em grandes cidades espanholas. Nesta época as lojas já vendiam coleção de roupas femininas e masculinas alinhadas com as principais tendências mundiais, literalmente abriu o mundo da alta costura às classes sociais menos endinheiradas. A empresa foi crescendo silenciosamente, afastada da publicidade, até que na década de 80 começou sua expansão internacional, inundando o mercado com roupas de design moderno e a preços acessíveis. No final de 1988 abriu a primeira loja no Porto (Portugal), um ano mais tarde deu um salto até Nova York; em seguida vieram Paris (1990), México (1992), Grécia (1993), Bélgica, Suécia (1994), Alemanha, Holanda e Brasil, todas em 1999.

Seu mais importante passo rumo à expansão internacional foi dado em 10 de abril de 2002, quando inaugurou sua primeira loja em Milão, a capital da moda. Um antigo cinema de três andares na rua mais comercial da cidade foi o local escolhido para se fixar. O sucesso foi imediato. Sob o lema de moda sempre inovadora e a preços competitivos a rede prosperou e se tornou um gigante, conquistando mercados em diversos países, deixando a concorrência em pé de guerra. Em 2005, o principado mais chique da Europa, Mônaco, se rendeu aos encantos da moda plebéia da espanhola ZARA ao ganhar sua primeira loja. Em 2007 comemorou a inauguração de sua milésima loja com uma unidade aberta na cidade italiana de Florença. Neste mesmo ano, através da ZARA HOME, a marca lançou sua primeira bem sucedida inserção no mundo do comércio eletrônico. Recentemente a marca ZARA lançou o comércio eletrônico em seis de seus principais mercados (Espanha, França, Itália, Portugal, Reino Unido e Alemanha). Hoje em dia, a marca ZARA, que virou um case marketing sem precedente no segmento, é conhecida como a máquina da fazer moda.









 

 
0
0
0
s2smodern