O cinto é o acessório da vez! Use e abuse
Você pode usá-lo em looks mais casuais acinturando uma bata ou vestido com jeans skinny ou acinturando um terninho. Inove, mas cuidado o cinto pode destruir com seu visual.

Algumas dicas:

.O cinto largo marcando a cintura é ideal para quem está em forma, se a barriguinha estiver saliente opte pelas versões mais fininhas, mais discretos, não irão chamar atenção para a região.

.Se tiver muito busto evite o cinto largo na região da cintura, porque certamente dará a impressão de que os seios são ainda maiores.

.Se o seu cinto for largo deve ser o item de maior destaque no look. Não os coloque nos passantes. Nos pés, opte pelos calçados mais delicados a fim de suavizar o peso da cintura.

Fonte: blog.riodebolsas.com.br




Qualquer material, tecido, verniz, couro de todos os tipos bordado fosco, etc., para cintos "esportes". Cintos com pérola, pedras brilhantes, vidrilhos, etc., de tecidos, habillé, etc., bordados em ouro e fios prateados são para cintos "habillé".

Mulher cheínha é preferível não usar cinto. Mulher de corpo curto não deve usar cintos. Cintos largos engrossam a cintura e encurtam o corpo, estreito e escuro afina a cintura.

Fonte:
www.portalbrasil.net

Quando falamos em cintos, pensamos que o acessório é usado para segurar calças, saias ou bermudas. Mas há muito tempo que deixou de ser visto somente com essa função. Actualmente, o cinto virou sinonimo de estilo.
 
Afinal, é ele que finaliza a produção e dá uma cor ao visual.

Os jovens adoram usar o acessório no dia-a-dia. Para eles, quanto mais colorido melhor. O material também pode variar: lona, couro ou borracha.
 

Para cintos despojados, não há regras: pode-se misturar cores, tecidos, estampas e posições.

Para quem usa o cinto da forma mais clássica, numa produção mais social, vale a regra: o acessório deve sempre combinar com o sapato. Isso serve tanto para homens quanto para mulheres.

Fonte: tendenciasonlin.com


0
0
0
s2smodern